Prefeitos de São José e suas principais obras e realizações

Prefeitos que contribuíram para o crescimento e desenvolvimento de São José da Coroa Grande.
José Maria de Albuquerque Belo
 Tomou posse em 11 de abril de 1962, às 16 horas, na sede da Prefeitura Municipal, na Praça Constantino Gomes, como primeiro prefeito, interino, nomeado através do ato 937, de 05/04/1962, pelo então governador Cid Sampaio, para atender à lei 3340, de 31/12/1958, que tratava da criação do município de São José da Coroa Grande, conforme ata escrita por Thereza Gomes Ferreira Santos, tendo como juiz de direito Dr. Aníbal Vanderlei Cavalcanti. Na ocasião da posse estiveram presentes várias personalidades, dentre as quais: Joanita Gomes Ferreira, Manoel Florentino, Marinita Gomes Ferreira, Antônio Valdemar A. Belo, Inaldo Acioli, Arlindo Cidrin, Cezar Macedo, João O. Belo, João Ramos Rocha, Elio de Souza Wanderley, Marinita Zacarias de Verçosa, Miguelita Zacarias de Verçosa e Maria de Lourdes W. Belo. Ressalta-se que, antes da nomeação como prefeito interino, o mesmo foi sub-prefeito do distrito de São José da Coroa Grande. Faleceu em 16 de janeiro de 1972. 
Principais realizações: Organização administrativa do recém criado município, tendo o recém criado município recebido do governo do Estado de Pernambuco o valor de Cr$ 500.000 ( quinhentos mil cruzeiros ).
Bráulio de Rocha Cavalcanti
Tomou posse em 15/11/1962, às 17 horas, como primeiro prefeito eleito, conforme eleição de 07/10/1962, para o período de 1962 a 1966, conforme reza ata escrita por Marinita Zacarias de Verçosa. Em 15/03/1966 solicitou licença para tratamento de saúde, tendo assumido a prefeitura Amaro Marcelo Melo, então presidente da Câmara de Vereadores. Renunciou ao mandato e em 10/08/1966, tendo assumido a prefeitura Amaro Marcelo Melo, passando a presidência da Câmara de Vereadores para Benedito Moysés da Silva. Faleceu em 24/09/1967, vítima de infarto fulminante. 
Principais realizações: Implantação de energia elétrica da Celpe, em substituição em “motor de luz”, construção da Escola Carlos Dias, do Mercado Público e do chafariz. Observa-se que o projeto de criar uma avenida a beira mar não teve a receptividade esperada entre alguns coroenses, o que muito desgosto lhe causou.
Severino Ramos Alves
Resultado de imagem para severino ramos alves museu do una
Tomou posse em 13/09/1966, às 14 horas, como interventor nomeado em 24/08/1966, por razão de renúncia do então prefeito Bráulio da Rocha Cavalcanti, pelo então Presidente da República Humberto Castelo Branco, conforme ofício G/1089-B de 05/09/1966 e protocolado com o nr. 57.681/66, tendo permanecido no cargo até 01/12/1966. Ressalta-se que a posse foi lavrada conforme livro de termos de posse no gabinete do ministro da justiça e negócios interiores ( folha 204 ), perante o ministro Dr. Carlos Medeiros Silva, tendo como procurador outorgado de Severino Ramos Alves o Sr. Amaury Gomes Pedrosa. Diplomado em 28/11/1970, tomou posse em 01 de dezembro de 1970, como prefeito eleito em 15 de novembro de 1970, com um total de 995 votos, tendo a eleição sido presidida pelo juiz o Dr. Anthenor Barreto da Rocha Pimentel Belleza. Exerceu a função até 29 de janeiro de 1973. Diplomado em 16/12/1976, tomou posse em 31/01/1977, como prefeito eleito em 15/11/1976, com um total de 767 votos, para o período de 1977 a 1982. Na época era juiz de direito o Dr. Carlos Xavier Paes Barreto Sobrinho ( primeiro juiz da comarca de São José da Coroa Grande ) Em virtude de solicitações de licenças, em 12/01/1979 e 28/04/1980, assumiu a prefeitura o então vice-prefeito Manoel Pedro dos Santos. Nasceu em Rio Formoso, em 25 de março de 1935, tendo passado a morar em São José da Coroa Grande em 1965, quando foi nomeado dentista do município. Merece destaque na vida pessoal o hobby de criação de pássaros, pelos quais tem imenso cuidado. Principais realizações: Construções das praças Constantino Gomes e Fogo Simbólico; construções dos postos de saúde de São José da Coroa Grande e dos distritos de Abreu do Una e Várzea do Una; construção da escola de Várzea do Una e das instalações do Bandepe, Correios, Cibrazem e repetidora de TV.
 
João Francisco de Melo
Toma posse em 01/12/1966, como prefeito eleito em 15/11/1966, com 869 votos, para o período de 1967 a 1970, tendo como vice-prefeito Antônio Bernardino de Carvalho Sobrinho. A eleição foi presidida pela primeira juíza do Estado de Pernambuco, Dra. Magui Lins de Azevedo. Faleceu em 03 de outubro de 1969, vítima de um desastre automobilístico em Barreiros.
Principais realizações: Iniciou a construção da escola que atualmente tem seu nome “João Francisco de Melo” e do Matadouro Público, tendo também concluído a iluminação pública do distrito de Várzea do Una. Registra-se ainda que em 1951 foi eleito como sub-prefeito de Puirassú ( São José da Coroa Grande ), com 393 votos.
 
Antônio Bernardino de Carvalho Sobrinho
Tomou posse em 04/10/1969, após o falecimento do então prefeito João Francisco de Melo, tendo exercido o mandato até 30/11/1970. Faleceu no dia 01/09/1980. 
Principais realizações: Concluiu as construções da Escola João Francisco de Melo e do matadouro público e transformou o prédio do “motor de luz” na prefeitura municipal.
 
Manoel Florentino de Albuquerque
Toma posse em 30/01/1973, como prefeito eleito em 15/11/1972, com um total de 778 votos, para o período de 1972 a 1976, tendo a eleição sido presidida pelo juiz Josué Antônio Fonseca Lins. Em virtude de solicitação de licença médica, assume a prefeitura o então vice-prefeito José Xavier da Silva em 01/02/1976. Registra-se ainda que de 1947 a 1955 foi sub-prefeito eleito e em 1959 eleito como vice-prefeito de Barreiros, vindo a falecer em 18/11/1992.
Principais realizações: Instalação de biblioteca pública e construção da quadra da Escola João Francisco.
 
Ciro Teles de Carvalho
Tomou posse em 31/01/1983, como prefeito eleito em 15/11/1982, com 843 votos, para o período de 1983 a 1988, tendo o mandato cassado, quanto assumiu o então vice-prefeito Walter Farias Sales, em 30/04/1984. Foi depois reintegrado às funções de prefeito em 10/05/1984, em virtude de liminar de mandato de segurança expedida pelo juiz Anthenor Pimentel Belleza, conforme ofício 42/84.
Principais realizações: Sua administração foi conturbada e teve como registro, conforme lembram os que participaram do governo a grande capacidade de minorar as condições de falta de áreas para construção de habitação das famílias sem terra, apesar de ter criado problemas de ocupação do solo.
 
Valéria Cardoso Lins
Tomou posse em 01/01/1989, como prefeita eleita em 15/11/1988, obtendo 2.222 votos, para o período de 1989 a 1992, tendo como vice-prefeito Antônio Gomes de Melo. 
Principais realizações: Iniciou a construção da maternidade, instalou postos telefônicos em distritos e engenhos e adquiriu ônibus e ambulância.
 
Lívio de Oliveira Tenório
Imagem relacionada
Tomou posse em 01/01/1993, como prefeito eleito em 03/10/1992, em pleito que obteve 2.345 votos, para o período de 1993 a 1996, tendo como presidente da Câmara de Vereadores José Gomes da Silva. Registra-se a ausência da prefeita anterior. Foi assassinado no dia 10 de abril de 1994, por Marivaldo Guedes, a mando do então vice-prefeito Fernando José, tendo sido registrados no município vários distúrbios. Para a manutenção da ordem, foi nomeado como interventor o promotor Antônio Nunes Cabral, em 23/04/1994.
Em 20/09/1994, o então presidente da Câmara de Vereadores, Domingos Sávio Lima de Moura foi investido no cargo de prefeito, por força de liminar do mandado de segurança, recebendo-o do interventor Antônio Nunes Cabral. Em 30/09/1994 assume como interventor Abelardo Ribeiro de Godoy, conforme decreto nr. 17.918 de 28/09/1994, até a definição da posse do então presidente da Câmara de Vereadores Gilvan da Fonseca Lins. 
Principais realizações: Instalação de Destacamento da Polícia Militar, resgate da comarca do município, implantação de sistema de abastecimento d´água e criação de plano de carreira do servidor municipal.
 
Gilvan da Fonseca Lins
Tomou posse em 01/01/1995, tendo governado o município em uma situação desfavorável em decorrência dos fatos até 1996. Registra-se a ausência do então interventor Abelardo Ribeiro Godoy.
Principais realizações: Calçamento de ruas do bairro Lívio Tenório, reformas de postos de saúde e aquisição de ônibus para a Secretaria de Educação.
 
Quirino Fábio de Carvalho
Resultado de imagem para quirino fabio de carvalho
Tomou posse em 01/01/1997, para o período de 1997 a 2000, tendo como vice-prefeito Claudemiro Francisco das Chagas. Compareceram à posse, entre outras autoridades, o pároco Gianfranco Armellin e a promotora Eva Regina A. Brasil, registrando-se a ausência de prefeito anterior.
Tomou posse do segundo mandato em 01/01/2001, como prefeito eleito para o período de 2001 a 2004, tendo como vice-prefeito Walter Farias Sales.. Nasceu no Engenho Beija Flor – Água Preta, em 29 de maio de 1960, sendo casado com Cleide Maria Chagas de Carvalho, com quem teve dois filhos, sendo ainda membro da Assembléia de Deus.
Principais realizações: Reforma da Praça Constantino Gomes, pavimentação da av. João Francisco de Melo e de outras vias, construção de dique e praça em Várzea do Una, das escolas de Tentugal, Queimadas e Bairro Lívio Tenório, do posto de saúde de Tentugal e aquisições de ônibus e ambulâncias.
 
José Barbosa de Andrade
Resultado de imagem para José barbosa de andrade
Empresário com grandes empreendimentos na cidade, proprietário do edifício Costa dourada e do posto de Gasolina Costa Dourada. E dono de uma boa parte de loteamentos de São José. Popularmente conhecido como Dr. Barbosa, foi candidato a Prefeito pela primeira vez no ano de 2000, enfrentando o atual Prefeito na época “Quirino Fábio de Carvalho”, Barbosa foi derrotado nas urnas com a Diferença de 36 votos.
 
DADOS DAS ELEIÇÕES DE 2000
 
JOSÉ BARBOSA DE ANDRADE – (BARBOSA)
PREFEITO | PFL | NÚMERO 25 | UNIÃO PARA CRESCER (PFL – PARTIDO DA FRENTE LIBERAL) . OCUPAÇÃO: ADVOGADO | INSTRUÇÃO: SUPERIOR COMPLETO | ESTADO CIVIL: CASADO| NATURAL DE MACAPARANA REQUERIMENTO: DEFERIDO | RESULTADO:NÃO ELEITO – 3.454 votos.
 
QUIRINO FABIO DE CARVALHO – (QUIRINO)
PREFEITO | PSB | NÚMERO 40 | UNIÃO POR SÃO JOSÉ DA COROA GRANDE (PSB – PARTIDO SOCIALISTA BRASILEIRO). OCUPAÇÃO: PROPRIETÁRIO DE ESTABELECIMENTO COMERCIAL | INSTRUÇÃO: 2º GRAU INCOMPLETO | ESTADO CIVIL: CASADO(A) | NATURAL DE AGUA PRETA | | REQUERIMENTO: DEFERIDO | RESULTADO:ELEITO – 3.490 votos.
 
SILVIO WANDERLEY DE MELO – (DR. SILVIO)
PREFEITO | PL | NÚMERO 22 | UNIÃO PARA RENOVAÇÃO DE SÃO JOSÉ (PL – PARTIDO LIBERAL). OCUPAÇÃO: MÉDICO | INSTRUÇÃO: SUPERIOR COMPLETO | ESTADO CIVIL: DIVORCIADO(A) | NATURAL DE SÃO JOSÉ DA COROA GRANDE | REQUERIMENTO: DEFERIDO | RESULTADO:NÃO ELEITO – 296 Votos.
 
DADOS DAS ELEIÇÕES DE 2004
 
JOSÉ BARBOSA DE ANDRADE – (BARBOSA)
PREFEITO | PFL | NÚMERO 25 | MUDAR PARA CRESCER (PFL – PARTIDO DA FRENTE LIBERAL) . OCUPAÇÃO: ADVOGADO | INSTRUÇÃO: SUPERIOR COMPLETO| ESTADO CIVIL: CASADO| NATURAL DE MACAPARANA REQUERIMENTO: DEFERIDO | RESULTADO: ELEITO – 4.851 votos, tomou posse no dia 01 de Janeiro de 2005.
 
Candidata Professora Eliete Veras pelo partido PSC 20, que obteve 3.028
Candidato Médico Vicente Ponzo(PT) teve apenas 81 votos.
 
DADOS DAS ELEIÇÕES DE 2007
 
JOSÉ BARBOSA DE ANDRADE – (BARBOSA)
PREFEITO | PFL | NÚMERO 25 | MUDAR PARA CRESCER (PFL – PARTIDO DA FRENTE LIBERAL) . OCUPAÇÃO: ADVOGADO | INSTRUÇÃO: SUPERIOR COMPLETO | ESTADO CIVIL: CASADO| NATURAL DE MACAPARANA REQUERIMENTO: DEFERIDO | RESULTADO: ELEITO – 5.611 votos. Tomou posse no dia 01 de Janeiro de 2008.
 
Candidata Professora Eliete Veras pelo partido PSC 20, que obteve 3.567 votos
Quirino Fábio de Carvalho pelo partido PSB teve 441 votos.
 
Nos 8 anos de mandato do ex-prefeito Barbosa, Principais realizações foram:
A construção do mercado público
A organização da feirinha, retirando a feirinha e abrindo a rua principal, onde hoje é conhecida como a praça dos táxis.
Construção das 9 Escolas municipais: Boa Vista, Pau Amarelo, Gindai, Cajueiro, Abreu do Una , Várzea, Tentugal, Gisa e Espírito Santo.
Várzea do Una, Severina Nunes de Andrade, Gisa infantil.
Reformas:
Escola Municipal João Francisco de Melo, Escola Municipal do Abreu
Pavimentação da rua principal da Mata do Cajueiro
 
ELIANAI BUARQUE GOMES – (ELIANAI BALEIA)
PREFEITO | PDT | NÚMERO 12 | A FORÇA DA MUDANÇA (PP / PDT / PT / PTB / PMDB / PR / PTC / PSDB). OCUPAÇÃO: PROFESSOR DE ENSINO MÉDIO | INSTRUÇÃO: SUPERIOR COMPLETO | ESTADO CIVIL: CASADO(A) | NATURAL DE BARREIROS. Eleita com 7.225 votos.
 
Contra Professora Nanan candidata apoiada pelo ex-prefeito Barbosa, que obteve 4.134 votos.
 
Principais realizações foram:
 
Educação:
Construção das escolas de: Tentugal ,Serra d’água do tanque, Campinas,Arássu.
Aprovação do PCCR dos professores.
 
Saúde:
Reforma e ampliação da Unidade Mista Osmario Omena.
Reforma e equipagem de todos os PSFS.
Implantação do SAMU.
 
Obras:
Renovação da frota de transportes da prefeitura com aquisição de 16 veículos com recursos próprios.
Pavimentações de algumas ruas.
Construção da Escola Municipal Tereza Cristina.
Reformas das praças Constantino Gomes, Fogo Simbólico e da rua do Juiz.
 
Finanças:
Cumprimento da Lei de Responsabilidade durante os 4 anos.
Término do mandato entre os 15 municípios do Estado de maior responsabilidade fiscal, de acordo com o TCU.
 
Turismo:
Realização do São José Fest Show.
Palestras Sebrae para os empreendedores na área turística; 
Cine Treloso; 
Campeonato de Futebol de Campo; 
Trilha Coroa Grande; 
São José da Coroa Grande Beach Fight; 
Festival de Rodeio; 
Copa Inter Bairros de Futsal; 
Cavalhada Coroa Grande; 
Festa do Abreu do Una; 
Abertura de Verão; 
Festa do Dia das Crianças;

Meio Ambiente:
Regulamentação e fiscalização de todos os empreendimentos imobiliários de São José
Reativação do projeto Orla.
Emissão Municipal de todas as licenças ambientais pela SEMA.
 
Agricultura:
Assistência permanente na abertura e manutenção das estradas da zona rural.
 
ESTA MATÉRIA PODERÁ SER ATUALIZADA A CADA 4 ANOS!
 
FONTE: Museu do Una
Compartilhar:

Post Author: Tenório

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *