Associação de Parkinson de Pernambuco realiza bazar com produtos abaixo do preço do mercado

Entidade que atende cerca de 300 pessoas por mês, necessita pagar despesas de manutenção da sede improvisada
 
Cerca de 5 mil produtos que foram doados por um órgão público estarão à venda nesta sexta-feira (1), durante um bazar em prol das atividades da Associação de Parkinson de Pernambuco (ASP-PE), que por mês atende aos 300 portadores da doença. Os preços variam de R$5,00 a R$100,00. As vendas ocorrem na área central do Recife, com produtos eletrônicos, utilidades domésticas, artigos de perfumaria, peças de decoração, além de cama, mesa e banho.

O bazar vai acontecer das 9h às 19h, na sede da ASP-PE, localizada na rua Engenheiro Ubaldo Gomes de Matos, nº 53, bairro de Santo Antônio, no 2º andar do edifício Dormar. Há produtos para o público infantil e adulto, para homens e mulheres. Celular, máquinas de corte de cabelo, som para carro, cartão de memória, roupas, calçados, perfumes, peças íntimas e toalhas, estão entre as opções de compra.

Para garantir a entrega de medicamentos, serviços de orientações médicas, tratamentos, oficinas educativas e atividades lúdicas a entidade necessita de um espaço. “Desde 2014 lutamos por um espaço próprio, mas até hoje não fomos atendidos pelo Governo do Estado. Precisamos da doação de um prédio para funcionamento da sede própria”, conta Maria José, presidente da ASP-PE.

De acordo com ela, os valores que a instituição paga o aluguel e condomínio, poderiam ser destinados para outros custos que o grupo precisar arcar mensalmente.  “Os custos com a sede provisória são altos. Esses compromissos não podemos deixar de cumprir. A associação vive de doações, da renda do bazar que fazemos todo mês e da colaboração dos associados”, detalha Maria.

Como forma de melhorar a qualidade de vida de quem é portador da doença de Parkinson, a única instituição do estado, oferece diariamente um conjunto de serviços que incluem atendimentos na área de fisioterapia, fonoaudiologia, psicologia, terapia ocupacional, massoterapia, acupuntura e orientação dos tratamentos. Além de oficinas que ajudam no desenvolvimento de cada pessoa. 

Para quem quiser ajudar a associação com doações, o valor pode ser depositado na Caixa Econômica Federal,

na agência 1294, conta 3061-6, operação 003.

A ASP-PE atende pelos telefones: 

(81) 3424.2710 e (81) 9 9825.9458. 

Compartilhar:

Post Author: Tenório


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *